Categorias

  • Categorias
  • Pipes
  • Vidros
  • Silicones
  • Metal
  • Acessórios
  • Vidro
  • Cases
  • Trituradores
  • Incensos
  • Isqueiros
  • Bongs
  • Acrílico
  • Silicone
  • Vidro
  • Extras
  • Kits
  • Limpeza
  • Piteiras
  • Filtros
  • Papel
  • Silicone
  • Vidro
  • Sedas
  • King Size
  • Mini Size
  • Rolo
  • Blunts
  • Silicones
  • Bandeja
  • Slick
  • Cinzeiros
  • Triturador
  • Cachimbo
  • Bong
  • Piteira
  • Cuia
  • Vestuário
  • Bonés
  • Cordões
  • Feminino
  • Masculino
  • Aromatizadores
  • Incensos
  • Spray
  • Cannabis e criatividade part :  influência na arte

    Cannabis e criatividade part : influência na arte

    O que nomes como Elon Musk, Louis Amstrong, Charles Baudelaire, Quentin Tarantino, Bob Marley, e Morgan Freeman têm em comum? Todos eles são nomes conhecidos mundialmente por seu talento, e principalmente criatividade. Afinal, eles são ou foram gênios nas suas áreas de atuação. Conquistando prêmios, fama, e claro, dinheiro. Porém, existe uma planta que pode ter conexão com tudo isso e ter influenciado muito em tanta criatividade.


    Isso porque todos esses nomes, e tantos outras incontáveis celebridades ou empresários conhecidos por características semelhante já fizeram uso da Cannabis, o que mostra o poder da planta no processo criativo ao longo da história, tanto da arte quanto do mundo dos negócios e na política. E é justamente sobre isso que a Ultra420 quer falar nesta série de textos sobre Cannabis e criatividade.


    Em um momento em que a planta começa a ser regulamentada em diversos lugares do mundo, se faz ainda mais necessário esclarecer seus mais variados benefícios, e principalmente quebrar estereótipos que relacionam o uso dela à preguiça ou até mesmo burrice. Pois não é à toa que diversas mentes criativas e geniais fizeram e ainda fazem uso da Cannabis para construir suas ideias. Tanto na música, quando no cinema, e até mesmo no mundo dos negócios.


    Entendendo a relação entre Cannabis e criatividade


    A Cannabis é uma planta versátil. Ela serve para relaxar, para tratar dores e doenças, mas também para melhorar o bom humor, e como já falamos anteriormente para a criatividade também. Por tudo isso é difícil explicar como a Cannabis influencia efetivamente na criatividade, embora seja possível ter uma ideia de como ela age neste sentido.


    Acontece que ao interagir com o nosso sistema endocinabinóide, presente em todos nós humanos, a erva também aumenta o fluxo sanguíneo cerebral na área do lobo frontal do cérebro,  que é exatamente a parte associada à criatividade. A Cannabis deixa esse lado mais ativo, entretanto não quer dizer que quanto mais Cannabis fumar, mais criativo fica.


    Além da relação com a dosagem, e claro, o nosso humor e pré-disposição para criar, já que o processo criativo também é complexo, existem determinadas genéticas de Cannabis que podem ter mais presença de substâncias que auxiliam nisso, enquanto outros estão mais relacionadas a outros efeitos.


    Cannabis e criatividade no universo da arte


    Ao longo da história, a Cannabis ficou muito associada a artistas. De pintores a músicos. Hoje em dia fica mais fácil entender o motivo deles gostarem tanto da planta. Ela parece ter sido fundamental para a criatividade de muitos nomes do universo da arte.

    ·        
    Cinema


    A Cannabis apareceu pela primeira vez nas telas do cinema com Jack Nicholson, no filme Easy Rider. Desde então já teve muito filme tratando da erva de diferentes maneiras, e muitos atores e cineastas admitindo o uso da planta. A lista é realmente longa, e passa por Quentin Tarantino, Brad Pitt, Morgan Freeman, Seth Rodgen, Jennifer Aniston, a  brasileira Betty Faria, e muitos outros nomes das telinhas.

    ·        
    Música


    A planta também teve forte influência no mundo da música. Nós já falamos aqui no blog da Ultra420 sobre seu consumo por músicos de jazz, mas ela teve também forte influência em músicas e composições dos Beatles, que conheceram a Cannabis através de Bob Dylan em 1964.

    A erva também andou lado a lado com Bezerra da Silva, Gilberto Gil, Jimi Hendrix, Bob Marley, Snoop Dogg, Planet Hemp, e segue até hoje cada vez mais presente no universo do Rock, do reggae, do rap, do blues, do samba, e outros ritmos ajudando na criatividade.

    ·        
    Literatura


    Na literatura a Cannabis também se fez presente. Hoje em dia existem vários livros, principalmente em inglês sobre ela, mas no processo criativo de grandes nomes da literatura ela também ajudou. O poeta Charles Baudelaire, o escritores Alexandre Dumas, Jack Kerouac, e até Carl Sagan aproveitaram a união entre Cannabis e criatividade.

    ·       
    Pintura

    Você provavelmente já se deparou com uma arte psicodélica moderna por aí assinada por um nome: Alex Grey. Ele é provavelmente um dos artistas da pintura que tem maior influência da Cannabis, e outras substâncias como o LSD nas suas obras.


    Além de retratar a planta em diversas artes, Alex Grey utiliza ela para expandir sua consciência e tentar transmitir o que há de mais profundo nesta conexão entre o ser humano e seu interior quando faz uso psicoativos como a Cannabis. Relatos também dizem que Pablo Picasso era um amante de Haxixe, enquanto Diego Rivera, o famoso pintor mexicano fazia consumo da erva.

     




     Escrito por Guilherme Darros

    Incluir comentário

    Você precisa fazer login par comentar. se você não é cadastrado, voce pode clicar aqui primeiro e registrar-se gratuitamente!

    Desenvolvido por TD12
    Ultra420 - A Primeira Head Shop do Brasil © 2019