Categorias

  • Categorias
  • Pipes
  • Vidros
  • Silicones
  • Metal
  • Acessórios
  • Vidro
  • Cases
  • Trituradores
  • Incensos
  • Isqueiros
  • Bongs
  • Acrílico
  • Silicone
  • Vidro
  • Extras
  • Kits
  • Limpeza
  • Piteiras
  • Filtros
  • Papel
  • Silicone
  • Vidro
  • Sedas
  • King Size
  • Mini Size
  • Rolo
  • Blunts
  • Silicones
  • Bandeja
  • Slick
  • Cinzeiros
  • Triturador
  • Cachimbo
  • Bong
  • Piteira
  • Cuia
  • Vestuário
  • Bonés
  • Cordões
  • Feminino
  • Masculino
  • Aromatizadores
  • Incensos
  • Spray
  • Eleições americanas 2020: a erva no debate

    Eleições americanas 2020: a erva no debate

    Em 2020 os americanos vão às urnas para escolher um próximo presidente (a). E se aqui no Brasil, a Cannabis ficou distante do debate eleitoral no pleito de 2018, nos Estados Unidos a erva deve ser um tema central na disputa por votos e nas discussões não sobre sua proibição, mas a melhor maneira de regulamentá-la à nível federal.


    Afinal, cada vez mais estados estão mudando suas legislações sobre a erva vendo o sucesso de arrecadação e empregos em lugares como Colorado, Califórnia, e até mesmo Washington, onde fica a Casa Branca. Isso tem feito com que cada vez mais políticos que podem disputar as eleições americanas 2020 saiam de cima do muro sobre o assunto.


    E segundo levantamento do portal canábico Leafly, a grande maioria dos nomes que estão se apresentando para a disputa têm se manifestado à favor da regulamentação da planta tanto para uso medicinal, quanto recreativo e industrial. E já que o Brasil entrou na Guerra às Drogas justamente imitando os Estados Unidos, é bom sempre saber como estão sendo dados os passos por lá.


    O que pré-candidatos das eleições americanas 2020 pensam sobre a erva

     

    Donald Trump


    Candidato à reeleição para as eleições americanas 2020, o atual presidente Donald  Trump já poderia ter apresentado um projeto nacional de regulamentação da Cannabis há bastante tempo, porém preferiu deixar que os estados decidissem individualmente a questão.

     
    Quando o assunto chega até ele, o portal Leafly denuncia que o Governo Trump por vetar diversos projetos que facilitariam pesquisas científicas sobre o uso da Cannabis em veteranos de guerra, e outros que visavam ampliar a acesso desta categoria à planta.


    Além disso, Trump teria nomeado o procurador-geral, Jeff Sessions, um ferrenho defensor da guerra às drogas. Isso mostra que caso seja reeleito, Trump  não deve fazer muito pela planta.

     

    Joe Biden


    Nome conhecido já que foi vice-presidente de Barack Obama, Joe Biden, assim como Trump, é um dos poucos pré-candidatos que se mostram contrários à legalização da Cannabis. Embora seja democrata, e não republicano como Trump, Biden tem uma posição extremamente conservadora, a mesma que tinha lá nos anos 90.


    Sim, ele ainda acredita que a Cannabis é uma porta de entrada, e por isso defende mais pesquisas antes dessa “obsessão” pela regulamentação. De lados opostos, Joe Biden e Trump parecem ser aliados.

    Michael Bennet


    Bennet é um exemplo de político que foi convencido com a prática e a experiência. Ele é Senador pelo estado do Colorado e lá em 2012 se mostrava contrário à regulamentação da Cannabis. Porém, com o tremendo sucesso para os cofres públicos e de empregos e renda após a legalização recreativa e medicinal, Bennet mudou seu discurso.


    Hoje ele é um defensor não só da legalização, como também da ampliação do cultivo de cânhamo industrial. Além de ter assinado uma das propostas de lei mais polêmicas de todos  que veremos a seguir.



    Cory Booker


    Além de ser há anos um defensor da legalização da Cannabis para diferentes fins, Cory Booker, senador pelo estado de New Jersey e pré-candidato para as eleições americanas 2020 pelo partido Democrata, é também autor de um dos projetos mais progressistas sobre a planta.


    A proposta de Cory Booker conhecida como Lei da Justiça da Cannabis prevê uma revisão judicial dos casos envolvendo prisões por porte da planta, pois segundo ele, muitas delas teriam cunho racial e social. O projeto defende que é necessária uma reparação, além de retirar qualquer prisão ou punição em casos envolvendo a planta, simplesmente por não ser justo que continuem pagando por “crimes” quando a erva já não é mais vista desta maneira.


    Kamala Harris


    Senadora pela Califórnia, Kamala Harris é uma das mulheres que quer ser a candidata a presidente nas eleições americanas 2020 pelos Democratas. E por ser de um estado que historicamente sempre lidou bem com a erva, ela parece não ver problema até mesmo em fazer piadas com a guerra às drogas muitas vezes em seus discursos. Uma guerra que ela chama de fracassada com todas as letras.


    Ela também assinou a proposta de Cory Booker de Lei da Justiça da Cannabis para rever prisões e fazer reparações raciais.

     

     

    Bill de Blasio


    Conhecido por ser um defensor de políticas de reparação racial, o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, foca sua opinião nesta questão envolvendo prisões injustas e racistas por conta da proibição. Porém, sua declaração mais positiva foi de que é possível e importante estabelecer uma regulação para a planta, embora não tenha dito como fazer isso.

    Bernie Sanders


    Conhecido por seu radicalismo mais à esquerda, Bernie Sanders é novamente pré-candidato pelo partido Democrata. E ele tem orgulho de dizer que há mais de 20 anos defende a legalização da Cannabis no país, quase sempre sendo taxado como louco no passado. Quem conhece seus discursos sabe que ele não está mentindo e sempre foi um visionário em relação à planta.

     

    Outros nomes na corrida para as eleições americanas 2020

     

    Steve Bullock – A favor da regulamentação medicinal, mas não se mostra simpático ao uso recreativo.

    Julián Castro – Hoje é um defensor dos moldes do Colorado. E crítico da intervenção de Trump no assunto.

    John Delaney – Costuma votar a favor da Cannabis, embora não a defenda muito.

    Tulsi Gabbard – Outra mulher pré-candidata. Ela é autora de diversos projetos facilitando o acesso para veteranos à planta.

    Kirsten Gillibrand – Mulher e também forte defensora da regulamentação da Cannabis à nível federal. Ela tem inclusive um plano completo de legalização.

    John Hickenlooper – Era governador do Colorado quando a planta foi legalizada. Atendeu o anseio da população, mas nunca foi muito favorável.

    Wayne Messam – Pouco se sabe sobre sua opinião a respeito da legalização.

    Beto O'Rourke – Defende a legalização federal e há anos se manifesta a favor da planta.

     

    Incluir comentário

    Você precisa fazer login par comentar. se você não é cadastrado, voce pode clicar aqui primeiro e registrar-se gratuitamente!

    Desenvolvido por TD12
    Ultra420 - A Primeira Head Shop do Brasil © 2019